Close

Porta de alta segurança com detector de explosivos e radiação é tecnologia trazida para o Brasil

  • Home
  •  / 
  • Uncategorized
  •  / 
  • Porta de alta segurança com detector de explosivos e radiação é tecnologia trazida para o Brasil

Porta de alta segurança com detector de explosivos e radiação é tecnologia trazida para o Brasil

Estatísticas mostram que bancos que andam investindo em tecnologia para sua segurança, apresentam uma redução no volume de assaltos. Para se ter uma ideia, em 2006 foram registradas 674 ocorrências a agências financeiras no Brasil. Já em 2019, houveram 119 casos, 30% menos que em 2018.

Pensando em aumentar ainda mais a proteção das agências brasileiras, a Came do Brasil trouxe para o país a porta de alta segurança CCG SQ AIR. Pensada e utilizada em locais como cofres, salas presidenciais e setores de inteligência ou segurança máxima no mundo todo, a tecnologia traz o que há de mais moderno para evitar intrusões, assaltos e arrombamentos.

A solução pode ser instalada com vidro blindado, controle de acesso digital ou por reconhecimento facial, detector de metal, explosivo e radiação, além de possuir tecnologia antiarrombamento e botão de emergência.

“A pessoa entra na cabine e é identificada antes de ser liberada. É um equipamento de última geração utilizado em grandes pontos de todo o mundo e que, agora, pode ser utilizado aqui para melhorar ainda mais a segurança da sua empresa”, explica Marco Barbosa, diretor da Came do Brasil.

As soluções da Came são usadas atualmente no mundo todo, inclusive, na Torre Eiffel, Pentágono, Canal do Panamá, entre outros importantes pontos acessados por milhares de pessoas.

Além da CCG SQ AIR, a marca possui uma linha de produtos focada em alta segurança, como o Road Blocker, por exemplo, que é um bloqueador retrátil ou fixo de vias instalado para evitar a entrada de veículos, motos e pessoas não autorizados. Outras tecnologias da marca são os pilares retráteis (bollards). Este equipamento levanta e abaixa conforme acionamento remoto e impede a entrada de veículos não autorizados. Para se ter uma ideia da sua força, se dois caminhões de oito toneladas tentarem derrubar estes pilares numa velocidade de 80 km/h, no modelo de maior proteção, eles continuam de pé e funcionando após o impacto.A empresa possui também as cancelas com “garras de tigre” ou dilaceradores de pneus. Essa estrutura pontiaguda se levanta na hora que a cancela fecha e serve para evitar que carros em alta velocidade passem pelo local sem serem autorizados. Todos esses equipamentos são automatizados e funcionam também a partir de um sistema inovador: o CAME Connect, um aplicativo que permite o monitoramento e funcionamento on-line do aparelho.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *